terça-feira, 12 de junho de 2018

Som na Linha: colocando a música autoral nos trilhos

Arte:Rafael Batalini

Esta é uma iniciativa que pretende movimentar a música autoral por lugares nunca antes escutados.
Em todo o país são raras as oportunidades de ouvir música nova, com artistas locais podendo apresentar suas composições.  Não é diferente no faroeste paulista, onde é grande a escassez de música nunca antes ouvida.
A linha ferroviária, em dueto com as estações de trem, foram o acorde inicial para o som das primeiras cidades.  Agora, através do Galpão da Lua, a linha torna-se palco para as novidades, os novos sons da música autoral.
Nossa proposta é que pelo menos uma vez por mês o publico possa embarcar nos vagões do tem da música autoral de nossa cidade, com nossos compositores nos conduzindo por uma viagem através de suas criações.

De monocultura já basta a soja, o gado e a cana!
                Qual será o sabor do som que ainda não tocou por aqui?
Mono na cultura não nos serve. Nosso som é estéreo.
Aqui a música é levada a sério.




Abrindo o projeto   S O M  N A  L I N H A...o Galpão da Lua apresenta:

PALLIÑA
Fernando Ricardo Ferraz do Amaral, nome artístico Palliña, é natural da cidade de Assis, onde morou até os 33 anos no bairro da Vila Operária, onde integrou a ala de compositores da Escola de Samba Unidos de Vila Operária, sendo interprete dos sambas enredos em vários carnavais.
Autodidata em música, suas composições passeiam por diversos ritmos, principalmente o samba. Mora em Presidente Prudente há dez anos atuando artisticamente em bares e casas de espetáculos na banda Vime 3x4 ou fazendo violão e voz. Atualmente conta com a parceria de Zé Barbosa na guitarra, com repertório pautado na música brasileira.
O ponto alto de sua carreira foi a produção de dois shows com o Vime 3x4: LuzSinaAção, com músicas de Belchior e Inquietudes, com canções variadas de contextos perturbadores ignorados pelo público.








   S O M  N A  L I N H A...
O que é? Música autoral
Onde é? Ao lado do Galpão da Lua
                               Quando é?  17 de junho, às 20 hs
                               Quem se apresenta? PALLIÑA

CONTRIBUA NO CHAPEU. VALORIZE O ARTISTA INDEPENDENTE! 

terça-feira, 8 de maio de 2018

Cia Pé de Cana estaciona sua Kombi no Galpão da Lua

Foto: Divulgação 

Uma trupe maravilhosa chegou no Galpão da Lua e se apresenta nesta quinta-feira,10, às 20h em frente ao Galpão da Lua e no sábado,12, no bairro rural Imoplan. Dois casais, mais um pequeno artista de dois anos e meio, que viajam em duas peruas Kombi maravilhosamente adaptadas para servirem de casa estão apresentando um espetáculo para todas as idades.
O espetáculo Circo de Doisdo é encenado pelos palhaços nada convencionais Capivara e Fiofó, que tocam seu pequenino circo a bordo de uma Kombi. No comando de um picadeiro improvisado revelam acrobatas internacionais, malabaristas dançantes e uma besta fera selvagem! 
Esse é o primeiro espetáculo da Cia Pé de Cana, traz um resgate das pequenas trupes mambembes e convida a todos a embarcar num universo lucidamente louco, sem muita lógica, mas repleto de diversão.


Sobre o projeto Nóis na Kombi - A Cia Pé De Cana, criada em 2013 na pequenina cidade de
Foto:Divulgação
Iracemápolis, interior do estado de São Paulo, vem pesquisando desde o seu surgimento, a arte circense na rua. A escolha da arte na rua se deve ao seu caráter democrático de atingir as pessoas, não fazendo diferenças de sua classe social, credo, etnia etc. A rua é de todos, assim como queremos que seja a nossa e todas as artes. Temos como proposta a circulação pelas cinco regiões do Brasil (sul, sudeste, centro-oeste, norte e nordeste) com o projeto Nóisnakombi, que traz consigo uma Kombi chamada Iracema munida de espetáculo e oficinas de circo.

Foto:Divulgação
 Sobre a Cia Pé de Cana - Denis Menezes e Hugo Delariva trabalham juntos desde 2007, onde realizavam intervenções em eventos e festas. Eles vêm desenvolvendo juntos suas formações técnicas, acadêmicas e artísticas. No ano de 2011 passam a fazer parte integrante do grupo de palhaços de hospital, onde aprimoram a relação com o palhaço tendo a partir desse momento a arte como profissão.
Em 2013 na pequenina cidade de Iracemápolis nasce a Cia Pé de Cana que desenvolve trabalhos voltados á arte-educação, intervenções e espetáculos.
O nome da Cia Pé de Cana deve-se a cidade de Iracemápolis/SP estar rodeada de cana de açúcar, onde se criou uma cultura relacionada ao ciclo da cana. Boa parte da população um pouco mais antiga da cidade, viveram a dura realidade do trabalho braçal relacionada ao plantio e ao corte da cana. Nesse contexto também se encaixa a história de um dos integrantes da companhia, que de família nordestina, retirante da seca, reconhece em seus pais e avós a responsabilidade de erguer impérios para os patrões do sudeste.

Serviços:
Quinta- feira dia 10, às 20h
Onde? Em frente ao Galpão da Lua – Rua Julio Tiezzi,130

Sábado dia 12, às 20h
Onde? Em frente ao ponto de Ônibus ao lado do Bar do Nivaldo  
Colabore com o chapéu!






quinta-feira, 3 de maio de 2018

Artista Uruguaio se apresenta no João Domingos com a parceria do Galpão da Lua


Foto - Lucia Blasina
O artista Uruguaio Mauro Cosenza traz seu Espetáculo Momentos de Liberdade para Presidente Prudente com a parceria do Galpão da Lua.
A apresentação acontecerá no próximo sábado dia 5 de maio, às 20h, na Praça do Wi-Fi do Conjunto Habitacional João Domingos Netto.




Sobre o espetáculo:
Momento de Liberdade é um espetáculo de rua que tem início com uma convocatória interativa, onde o jogo entre as pessoas que estão de passagem e o artista se estreitam até que os meros transeuntes de tornem parte da plateia.
De dentro da mala deste palhaço possuído por um bufão, saem diversos objetos que vão criando jogos de palavras, trocadilhos, figuras de linguagem que serão o princípio da construção de seus números.
Com ajuda da plateia que é constantemente convocada para entrar em cena e ajudar esse excêntrico palhaço, números de elasticidade, equilíbrio e malabarismo são protagonizados.
Para dar início ao fim, um ritual de fogo é estabelecido, com destrezas pirotécnicas, participações especiais, músicas peculiares e muita dança o espetáculo é encerrado em tom romântico de festejo.










Release

Tudo começa com o caminhar das pessoas nos ritmos das ruas, praças, parques e peatonais ... Este palhaço com seu grande carisma, delírio e sua surpreendente energia, se atreve a modificar a realidade das pessoas que transitam por estes espaços os propondouma maneira diferente de andar, mover-se e se relacionar, os introduzindo em mundo de jogos e improvisações.
Composto por representações clássicas de habilidades circense como equilíbrio em rola-rola e malabarismo, seu ápice se dá no início do ritual de fogo onde serão utilizados líquidos inflamáveis que arriscarão sua própria integridade física, acompanhado por uma dança muito especial a qual duas pessoas do público são convidadas a se tornar parte desta cerimonia de loucuras e amor participando de um encontro matrimonial efêmero.







Serviço:
Quando? Sábado,5 de maio, às 20h.
Onde? Praça do Wifi, bairro João Domingos Netto

Arte de Rua, contribua com o chapéu do artista!


Conheça o Artista Mauro Cosenza: